terça-feira, 17 de novembro de 2015

O tê tio

Uma vez conheci malta que gritava: quem é o tê tio? Uns para os outros. Em sinal de olá. Ou de festa. Na altura era engraçado. Seja como for, do filme do tio não vou adiantar muito. Tem a nova atriz mais bonita do mundo de sempre, mas isso já sabíamos. Tem mecanismos hábeis de volta atrás e explica lá o twistzinho, mas isso também já sabíamos. Tem a história que prometeu, sem mais nem menos, mas isso também já sabíamos. Ora competente. Não surpreendente. Mas o que eu vos queria mesmo contar, é que a minha avó, mesmo no final, quando está um dos bons a aviar forte num dos vilões principais e depois o limpa, pergunta consternada: mas porque ele matou este rapaz pah? DVD com os comentários da avó já.

1 comentário:

Cinema's Challenge disse...

Por acaso foi uma surpresa agradável. Não é nenhum filme fenomenal, mas é entertainer qb. como qualquer outro do senhor Ritchie. Gostei de ver a atriz nesse papel e do co-protagonista russo. O que menos gostei foi mesmo do Cavill, mas nesse papel até se enquadrava bem.

Bons filmes.

www.cinemaschallenge.com