domingo, 25 de novembro de 2007

Cenas de dança - 6

Sábado triste. Cansativo e com uma brisa gelada que nem parece nossa. Cedo de pé e cedo de novo em casa, porque a noite foi como a manhã, vagarosa. Deixa lá, digo eu ao puto grisalho que espreita no retrovisor. Deixa lá, temos sempre a Julie Delpy a dançar Nina Simone. E que grande noite é esta, agora quente e acelerada. Que todos os finais fossem assim.


*desculpem as legendas.

3 comentários:

Cataclismo Cerebral disse...

Bela dança a encerrar um excelente filme! Foi uma óptima escolha, muito bem :)

Abraço

M.Ferreira disse...

É mesmo daqueles finais excepcionais que nos dá a caneta e que sejamos nós os últimos a pôr um ponto final ou não.
Abraço

wasted blues disse...

Já seria sempre um grande final, com a Nina Simone fica perfeito...