sexta-feira, 25 de janeiro de 2008

Cenas à chuva - 9

É um beijo de pernas para o ar. Um beijo, entre um super-herói invertido e a sua amada de sempre, em pé, no seu estatuto de humana, a recordar o abismo que os separa e que lhes trará as mais diversas dificuldades. A emblemática cena, não teria metade da força senão fosse a chuva a abençoar o beco escuro. Por um lado a mostrar o mundo lá fora, do frio, do vento, mas por outro a fechar o momento num recanto só dos dois, tão intímo como o próprio acto em si. No final, apenas as gotas a cair no corpo encharcado, envolto num quente e delicioso sorriso.

1 comentário:

Pipocas e Outras Tretas disse...

simplesmente bestial, apesar de ter preferido o 2o...!