terça-feira, 11 de dezembro de 2007

Primeiro e último


E sai um desafio quentinho. Primeiro e último filme que viram num cinema.

Primeiro : Olha quem fala. Bem decerto não foi mesmo mesmo o primeiro, (lembro-me vagamente de um Taran e o Caldeirão Mágico) mas escrevi oficialmente na memória que sim. Acontecimento, não só pela estreia mas também pela inauguração do novo, agora velho, auditório municipal, sem dúvida um marco para mim. Hoje não é novidade mas na altura foi uma verdadeira loucura esta história do bebé com a voz do Bruce Willis que se depara com uma Kirstie Alley desesperada e um John Travolta solto e jovial. Não é uma grande comédia e o que se seguiu era sem dúvida desnecessário, mas este é intocável na minha prateleira de guilty pleasures.

Último: Gangster Americano. Gosto bastante de ir ao cinema e sair de lá com a sensação de missão cumprida, que vi um bom filme. Foi exactamente isto que Gangster Americano me trouxe. Sim é um bom filme, cumpre tudo a que se propõe mas sem grandes rasgos imaginativos, quer na realização quer nas interpretações. Sim o Denzel Washington é um grande actor, mas isso já sabíamos. Falta uma cena que marque ou que fique na memória da história. Não há. Falta o que me faz sair do cinema com a sensação de que para além de ter cumprido a missão, ganhei a guerra.

5 comentários:

Jp disse...

1º - Não sei dizer, provavelmente o Taran...

Último - Os Simpsons... Tenho vergonha de o admitir, mas cinema e eu não nos encontramos muito ultimamente!

brilhante disse...

primeiro: ET (tive muita sorte :-))
Ultimo: Gangster americano

o putro gajo que também assina posts neste blogue disse...

primeiro e tardio: rei leão. numa sala da associação recreativa e cultural "capricho bejense". uma sala sem desnível, com meia dúzia de filas de cadeiras e uma tela desenrascada em cima do palco.

último: control. o melhor filme de 2007. no monumental, a semana passada. já disse que é o melhor filme de 2007?

Cataclismo Cerebral disse...

Primeiro: Não me recordo mesmo...
último: Beowulf

Anónimo disse...

Primeiro: Um porquinho chamado Babe
Ultimo: Eu sou a lenda